Prazo para prova de vida para segurados do INSS termina no dia 28 de fevereiro


Procedimento é feito diretamente no banco em que o beneficiário recebe o benefício, mediante a apresentação de um documento de identificação com foto



Os beneficiários do INSS que não fizeram a prova de vida nos bancos em 2017 têm até 28 de fevereiro para comprovarem que fazem jus aos benefícios pagos pelo órgão. Cerca de 4,7 milhões, dos mais de 34 milhões de titulares de aposentadorias e auxílios, ainda não se recadastraram.

Para fazer a atualização de dados cadastrais, não é necessário ir a uma agência da Previdência Social. O procedimento é feito diretamente no banco em que o beneficiário recebe o benefício, mediante a apresentação de um documento de identificação com foto (carteira de identidade, carteira de trabalho, carteira de motorista e outros).

O procedimento é obrigatório para todos os beneficiários do INSS que recebem seus pagamentos por meio de conta-corrente, poupança ou apenas cartão magnético para saque. Quem não fizer a prova de vida no tempo previsto terá o pagamento interrompido.

Grávidas de alto risco
Uma liminar do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) reconheceu o direito das mulheres com gravidez de alto risco de receberem auxílio-doença, independentemente do tempo de contribuição. O órgão vinha exigindo carência mínima de um ano para conceder o benefício. A decisão é válida para todo o país.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Top Baladas