quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Intuição de pai salva vida de jovem preso a ferragens por 30 horas após acidente


Pai se recusava a acreditar na hipótese de que o filho havia fugido de casa


O jovem ficou mais de 30 horas entre as ferragens

A intuição de um pai salvou a vida de um jovem australiano. Samuel Lethbridge, de 17 anos, ficou preso às ferragens do carro por 30 horas após sair da pista e capotar em Cangran Bay. Sem notícias do filho, que nunca havia deixado de se comunicar com a família, Tony Lethbridge tomou uma decisão inesperada: contratou um helicóptero e foi procurar o parente na área em que havia visto um acidente cinco anos trás.


Os parentes começaram a ficar preocupados quando Samuel não chegou à casa de um amigo no domingo e acionaram a polícia. Até então, a única informação era de que o jovem parecia cansado quando deu carona a um colega na região. O pai se recusava a acreditar na hipótese de que o australiano havia fugido de casa e resolveu procurá-lo no mesmo local em que um homem havia morrido, depois de capotar e não ser resgatado a tempo.



"Um acidente ocorreu no mesmo local de Cangran Bay há cinco anos e isso ficou na minha cabeça. Infelizmente, aquele rapaz morreu porque ninguém o encontrou durante cinco dias. E eu não ia deixar isso acontecer com Samuel", ressaltou Tony em entrevista ao "Channel Seven" e ao site "Perth Now".



Com o transporte aéreo alugado, Tony e o tio do então desaparecido Samuel vasculharam a área da estrada New South Wales, a cerca de 100 quilômetros da capital Sydney. Em dez minutos, Michael Lethbridge avistou ferragens de um veículo que parecia ter capotado por 20 metros fora da pista.



"Eu estava um pouco preocupado com o que nós encontraríamos e não queria realmente ir ver. Mas, quando cheguei perto, vi que a cabeça de Sam se mexeu", recordou o tio Michael.

Os serviços de emergência demoraram mais de um hora para remover o jovem do carro. Ele foi encaminhado ao Hospital John Hunther, com fraturas múltiplas, explicou porta-voz do serviço New South Wales Ambulance à mídia australiana. A polícia investiga o acidente

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tanaka