Lula anuncia aumento do salário mínimo e da isenção do IR em pronunciamento do 1º de maio


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) usou a rede nacional de rádio e televisão para fazer pronunciamento em alusão ao dia do trabalhador, comemorado nesta segunda-feira (1º/5). Com discurso veiculado às 20h deste domingo (30/4), o presidente anunciou reajuste do salário mínimo, além de um projeto para obrigar aumento real do valor, além de expansão da faixa de isenção do imposto de renda.

Lula iniciou seu discurso se dirigindo a todas as classes de trabalhadores, citando inclusive os de aplicativos e microempreendedores, além dos que trabalham na indústria, campo e serviços. “Não importa a profissão ou o local de trabalho. O importante é que vocês são os responsáveis pela geração da riqueza do Brasil”, disse o presidente, reforçando também a importância dos aposentados e pensionistas.

Em seguida, Lula criticou os antecessores, sem citar os nomes de Jair Bolsonaro (PL) ou Michel Temer (MDB). “Tudo piorou nos últimos anos. O emprego sumiu. Os salários perderam poder de compra. A inflação subiu. Os juros dispararam. Direitos conquistados ao longo de décadas foram destruídos de um dia para o outro. Poucas vezes na história o povo brasileiro foi tratado com tanto desprezo, e teve tão pouco a comemorar”.


Postar um comentário

0 Comentários