Noticias da Hora

Mulher denuncia que perdeu parte do nariz e ficou com sequela após cirurgia estética com dentista: 'Destruiu minha autoestima'


Uma mulher de 37 anos denuncia que teve parte do nariz necrosado e ficou com sequelas após um procedimento estético em junho de 2020. Elielma Carvalho Braga fez uma alectomia, procedimento para afinar o nariz, com um dentista de Aparecida de Goiânia, Região Metropolitana da capital. Ela conta que, após perder parte da pele, precisou fazer mais de dez cirurgias e ficou com cicatrizes, abalando sua autoestima.

“Eu tenho vergonha, porque a gente faz uma coisa para melhorar um pouco e a pessoa faz isso. Ele destruiu minha autoestima. Eu choro, não é fácil o que eu vivo hoje”, disse.
Compartilhe no WhatsApp
Compartilhe no Telegram
Qualquer profissional que não seja médico é proibido de realizar cirurgias no nariz. Dentistas podem fazer algumas cirurgias na face, mas o Conselho Federal de Odontologia proibiu expressamente a realização de alectomias por dentistas (leia mais sobre isso ao fim da reportagem).

O dentista Igor Leonardo disse que o problema da paciente não foi decorrente da cirurgia, e sim uma síndrome desenvolvida após uso de medicamentos, o que causou a necrose. Ele afirmou ainda que deu todo atendimento à paciente.

Nenhum comentário